ANTROPOFÁGICAS

Foto de Claire Jean

As saudades de Felipe são grandes. Nos falamos pelo facebook esses dias e ele me pediu pra que eu lhe contasse um pouco mais sobre o que estávamos lendo e estudando. Minha internet caiu e aproveito pra responder-lhe neste espaço aqui e compartilhar um pouco da intimidade do nosso atual processo. Não sei se quem está acompanhando já conseguiu entender como está a formação do grupo: para o próximo experimento, seremos eu, Camilla, Liliana e Cecília. Lipe, que está em São Paulo, incendiando a Macumba Antropofágica com Zé Celso, provavelmente volta em novembro e estará no segundo experimento e na peça.

Lipe,

A oficina com Tadashi foi importantíssima para a definição dos rumos criativos deste ano. Estamos fazendo diariamente o exercício do 8 e muitas vezes o da mosca também. Nos dias de treinamento (segundas e quartas), começamos com as posições de Yoga, conduzidas por Daniel; depois, partimos pra um treinamento “à moda antiga” (enraizamento, rolamentos, saltos etc), conduzido principalmente por Milla (e às vezes por Lili) e depois fazemos algum dos exercícios de butoh. Nos dias de criação, começamos com a yoga e partimos para o 8, para dele mergulharmos no universo imagético pesquisado por cada uma.

Cada uma de nós tem como base duas ou três referências de personagens femininos de livros, filmes ou músicas. Eu e Ci já fechamos (por ora) nossas referências. Lili e Milla ainda tão fechando as delas. Acho que, com tempo, cada uma de nós falará um pouco mais de suas referências por aqui.

Não estamos lendo algo em comum. As leituras têm sido mais individuais. Eu tô completamente imersa no universo Cortaziano. Abismada, aturdida e quase epilética, perdida no mundo que se abriu frente à linguagem do argentino.

Ontem Felipe André foi assistir o ensaio. Ele aceitou ser nosso diretor musical e vai acompanhar os ensaios desde já, propondo exercícios, caminhos, sons. Estamos muito alegres em tê-lo por perto. É muito rica a pesquisa dele!

Luane e Danila (acho que você lembra dela: ela é uma das mulheres com o pano na cabeça, a do guarda-chuva repleto de lenços. A acompanhamos no dia em que você foi anjo, no Cpo Grande) são nossas “estagiárias”. Elas vão três dias na semana: dois de criação, um de treinamento. Nos dias de criação, elas assistem, anotam, comentam, auxiliam Daniel na direção, nos apontam nortes a partir de suas percepções. Nos dias de treinamento, elas treinam conosco. Mulheres, mulheres, mulheres… A coisa ta feminina até a tampa.

E por falar em mulheres, hoje Jade fará as primeiras fotos. Ela quer fazer um acompanhamento fotográfico de todo o processo. Acho que o olhar de Jade trará novas imagens/texturas importantes para o processo.

Fábio Caio topou fazer o cenário e o figurino, mas ainda não nos reunimos com ele. Ele, ele, ele! Esse homem é muito!

Helena e Ariane tão na produção. Mulheres, mulheres, mulheres. É ótimo poder contar com as duas. Pouco a pouco, vamos entendendo o que é preciso fazer e como.

Por enquanto não estamos usando a voz. Ontem comecei a sentir um pouco de ansiedade em relação a isso. O 8 me traz muitas imagens vocais. Fico querendo experimentar isso logo. Mas sei, devagar com o andor, que o abismo não tem fundo e é bom cair metro por metro. Não estou falando de estudos, de asceses metódicas, mas sim da intencionalidade tácita que dá forma ao movimento total de um poeta, que o torna asa de si mesmo, remo de sua barca, cata-vento de seu vento, e que revalida o mundo ao preço da descida aos infernos da noite e da alma. (Cortázar)

Conte você mais daí, nêgo. Das leituras, descobertas, sensações, da macumba, todo quanto for dizível/escrevível. Se não se pode dizer, é preciso tentar inventar suas palavras, porque na insistência vai sendo circunscrita a forma e pelos buracos vai sendo tecida a rede. (Cortázar)

São enormes as saudades… Meu corpo ainda te busca no espaço muitas vezes e vai entendendo muito aos poucos o porque de você não estar. Mas meu espírito sempre te encontra, te celebra e te conversa.

Beijos e danças,

Rai.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s